Inverno em Santa Catarina

Quando Deus, em sua infinita sabedoria, criou a Terra e cobriu as montanhas com neve, o homem ainda não existia. A alvura dos panoramas alpinos, o cair silencioso da neve sobre as cordilheiras, e a multiplicidade de formas minúsculas constituindo os flocos brancos que cobriam as serras eram contemplados apenas por Deus.

Se pararmos para pensar em qual teria sido a intenção que Deus teve para com a humanidade ao criar a neve, podemos chegar a várias conclusões: para lembrar-nos o quanto é esplêndida a virtude da castidade, ou quão bela é a inocência etc. Mas a neve parece ter algo de inefável, que envolve as pessoas numa atmosfera misteriosa impossível de transmitir, criando um desejo de ter contato com ela, ou pelo menos parar e contemplá-la.

Os brasileiros que vivem no sul do país têm o privilégio de a cada inverno entrar na expectativa de uma nevasca. Não costumam haver grandes tempestades de neve e clima muito rigoroso, mas a satisfação dos que conseguem ver um pouco de neve é visível.

No início desta semana nevou em mais de cem cidades da região Sul, e os Arautos de Joinville não perderam a oportunidade de viajar para São Joaquim.

Via-se que não faltou alegria nos brasileiros que estacionavam seus automóveis nas estradas ávidos de sentir o manto de Nossa Senhora que nestes dias branquejou os campos e as almas, como diz o salmo: Lavaime e me tornarei mais branco do que a neve (Sl 50,9).

 

One Reply to “Inverno em Santa Catarina”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*