Gregoriano (áudio) – Sequência de Pentecostes

Veni, Sancte Spíritus

Veni, Sancte Spíritus,
Et emitte caélitus
Lúcis túae rádium.
Véni páter páuperum,
Véni dá-tor múnerum,
Véni lúmen córdium.
Consolátor óptime,
Dúlcis hóspes ánimae,
Dúlce refrigérium.
In labóre réquies,
In aéstu tempéries,
In flétu solátium.
O lux beatíssima,
 
Réple córdis íntima
Tu porum fidélium.
Sine túo númine,
Nihil est in hómine,
Nihil est innóxium.
Láva quod est sórdidum,
Ríga quod est áridum,
Sána quod est sáucium.
Flécte quod est rígidum,
Fóve quod est frígidum,
Rége quod est dévium.                                      
Da túis fidélibus,
In te confidéntibus,
Sácrum septenárium.
Da virtútis méritum,
Da salútis éxitum,
Da perénne gáudium.
Amen. (Allelúia).

Vinde, Espírito Santo (tradução)

Vinde, Espírito Santo,
e enviai do céu um raio de Vossa luz.
Vinde, pai dos pobres,
vinde dispensador dos dons,
vinde luz dos corações.
Consolador por excelência,
doce hóspede da alma,
nosso doce refrigério.
No trabalho, sois repouso;
no ardor, sois calma;
no pranto, consolo.
O luz beatíssima,
penetrai até o fundo do coração
dos que vos são fiéis.
Sem vossa graça,
nada há no homem,
nada que não lhe seja nocivo.
Lavai o que é impuro,
fecundai o que é estéril,
ao que está ferido curai.
Dobrai o rígido,
aquecei o que é frio,
e o que se extraviou, guiai.
Dai aos que vos são fiéis
e em vós confiamos sete dons sagrados.
Dai-lhes o mérito da virtude,
a salvação no têrmo da vida,
a eterna felicidade.
Amém.(Aleluia)

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*